Entrada

CDE: Rapid 17 de janeiro

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

COMUNICADO DE IMPRENSA

 

Lisboa, 17 de janeiro de 2018

 

  • Novas medidas para reforçar as competências digitais essenciais e a dimensão europeia da educação

Apenas dois meses após a Cimeira de Gotemburgo, realizada em 17 de novembro de 2017, a Comissão Europeia adotou hoje novas iniciativas para melhorar as competências digitais essenciais dos cidadãos europeus e promover valores comuns e a sensibilização dos alunos para o funcionamento da União Europeia. Pretende-se reduzir as desigualdades socioeconómicas, fomentando a competitividade, para construir uma Europa mais unida, mais forte e mais democrática. As novas propostas contribuirão também para a primeira Cimeira Europeia da Educação, que o Comissário Tibor Navracsics, responsável pela Educação, Cultura, Juventude e Desporto, acolhe em Bruxelas, a 25 de janeiro.

(Desenvolvimento em IP-18-102 e em MEMO-18-103)

 

  • Salvador Sobral distinguido nos European Border Breakers Awards 2018

Esta noite, dez jovens artistas europeus, entre os quais o português Salvador Sobral, são distinguidos na edição de 2018 do prémio «European Border Breakers Awards», por ocasião de uma cerimónia no festival Eurosonic Noorderslag, em Groningen, Países Baixos. Depois da sua vitória no Festival Eurovisão da Canção, o artista português foi forçado a interromper a sua carreira devido a um problema de saúde, mas nem esse obstáculo impediu o reconhecimento do seu trabalho e sucesso pelas instâncias europeias. Estes prémios de música popular contemporânea, cofinanciados ao abrigo do programa «Europa Criativa» da Comissão Europeia que dispõe para o seu período de vigência de um orçamento de 1,46 mil milhões de euros, reconhecem os melhores artistas da Europa que alcançaram sucesso para além das fronteiras do seu país com o primeiro álbum lançado internacionalmente. O apoio da Comissão Europeia reflete o compromisso com os setores culturais e criativos da Europa, permitindo enaltecer e divulgar o que de melhor se tem desenvolvido no continente. Os prémios, cuja origem remonta a 2004, já reconheceram, entre muitos outros, nomes como Adele, Stromae, Mumford & Sons e Disclosure.

 

  • Inflação anual desce para 1,4 % na área do euro, para 1,7 % na UE e para 1,6 % em Portugal

Em dezembro de 2017, a inflação anual na área do euro foi de 1,4 %, registando uma ligeira descida em relação ao mês anterior (1,5 %). Em dezembro de 2016, esta taxa foi de 1,1 %. Na União Europeia, a inflação anual foi, em dezembro de 2017 de 1,7 %, assinalando um ligeiro recuo desta taxa em comparação com o mês anterior (1,8 %). Em dezembro de 2016, esta taxa foi de 1,2 %. Em Portugal, a inflação anual em dezembro de 2017 foi de 1,6 %, uma descida também em relação ao mês de novembro (1,8 %). Em dezembro de 2016, a taxa de inflação anual em Portugal foi de 0,9 %. Estes dados são do Eurostat, o Serviço de Estatística da União Europeia.

(Desenvolvimento em STAT-18-302)

 

  • Produção no setor da construção aumenta 0,5 % na área do euro, 0,6 % na UE e 0,2 % em Portugal

Em novembro de 2017, em comparação com o mês anterior e em valores corrigidos de sazonalidade, a produção no setor da construção aumentou 0,5 % na área do euro, 0,6 % na UE e 0,2 % em Portugal, segundo as primeiras estimativas do Eurostat, o Serviço de Estatística da União Europeia. Em outubro de 2017, a produção neste setor tinha diminuído 0,3 % na área do euro, 0,5 % na UE e 0,2 % em Portugal. Em termos homólogos, a produção no setor da construção aumentou 2,7 % na área do euro e na UE e 2,6 % em Portugal.

(Desenvolvimento em STAT-18-282)

 

Para mais informações sobre assuntos europeus:

http://ec.europa.eu/portugal