Entrada

Unidade de Documentação e Arquivo - UDA

CDE: Rapid 13 de junho

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Comunicado de imprensa

Lisboa, 13 de junho de 2018.

  • Orçamento da UE: Reforçar o papel da UE como garante de segurança e defesa
    No próximo orçamento de longo prazo da UE para o período de 2021-2027, a Comissão propõe aumentar a autonomia estratégica da UE, fortalecer a sua capacidade de proteger os seus cidadãos e reforçar a posição da UE a nível mundial. Um Fundo Europeu de Defesa, com uma dotação de 13 mil milhões de EUR, garantirá a capacidade financeira necessária para realizar investimentos transfronteiras em tecnologias e equipamentos de ponta plenamente interoperáveis em áreas como os programas informáticos encriptados e a tecnologia associada aos drones. Além disso, a Alta Representante, com o apoio da Comissão, propõe hoje uma nova Facilidade Europeia de Apoio à Paz dotada de 10,5 mil milhões de euros. Trata-se de um instrumento fora do orçamento de longo prazo da UE que contribuirá para melhorar a capacidade da UE de prevenir conflitos, construir a paz e garantir a segurança internacional.
    (Desenvolvimento em IP-18-4121, em MEMO-18-4129 e em MEMO-18-4128)
  • Orçamento da UE: 4,8 mil milhões de euros em financiamento da segurança para uma Europa que protege
    Para o próximo orçamento de longo prazo da UE para o período de 2021-2027, a Comissão Europeia propõe aumentar substancialmente o financiamento atual em matéria de segurança de 3,5 mil milhões de euros para 4,8 mil milhões de euros. Com ameaças cada vez mais complexas e de natureza internacional, os fundos da UE podem contribuir para construir uma União resiliente a futuros desafios em matéria de segurança e melhor equipada para dar resposta a situações de emergência. O reforço de 2,5 mil milhões de euros ao abrigo do Fundo para a Segurança Interna (FSI) é complementado por cerca de 1,2 mil milhões de euros para o desmantelamento seguro das atividades nucleares em alguns Estados-Membros, e vem juntar-se ao montante de 1,1 mil milhões de euros para as agências da UE mais fortes no domínio da segurança.
    (Desenvolvimento em IP-18-4125)
  • Uma Europa que protege: UE procura reforçar a resiliência e combater melhor as ameaças híbridas
    Na sequência do ataque de Salisbury e do convite formulado pelo Conselho Europeu, a Comissão Europeia e a Alta Representante propuseram hoje que fossem adotadas novas medidas para dar seguimento aos esforços já envidados para combater as ameaças híbridas, assim como as ameaças químicas, biológicas, radiológicas e nucleares (QBRN). Foram também divulgadas informações sobre a execução global do quadro comum em matéria de luta contra as ameaças híbridas. A Comissão publicou ainda um balanço dos progressos realizados quanto aos mais importantes dossiês em matéria de segurança, nomeadamente o Plano de Ação QBRN.
    (Desenvolvimento em IP-18-4123)
  • Emprego sobe 0,4 % na área do euro e na UE e 1 % em Portugal
    No primeiro trimestre de 2018, em comparação com o trimestre anterior, o número de pessoas empregadas aumentou 0,4 % na área do euro e na UE e 1 % em Portugal, segundo as estimativas das contas nacionais publicadas pelo Eurostat, o Serviço de Estatística da União Europeia. No quarto trimestre de 2017, o emprego cresceu 0,3 % na área do euro, 0,2 % na UE e 0,7 % em Portugal. Em comparação com o primeiro trimestre do ano passado, a taxa de emprego cresceu, no primeiro trimestre de 2018, 1,4 % na área do euro e na UE e 3,2 % em Portugal.
    (Desenvolvimento em STAT-18-4147)
  • Produção industrial desce 0,9 % na área do euro, 0,8 % na UE e 3,1 % em Portugal
    Em abril deste ano, em comparação com o mês anterior e em valores corrigidos de sazonalidade, a produção industrial desceu 0,9 % na área do euro, 0,8 % na UE e 3,1 % em Portugal, segundo estimativas do Eurostat, o Serviço de Estatística da União Europeia. Em março de 2018, a produção industrial aumentou 0,6 % na área do euro e 4 % em Portugal. Em termos homólogos, ou seja em comparação com o mês de abril de 2017, a produção industrial registou, em abril de 2018, uma subida de 1,7 % na área do euro e na UE e de 3,8 % em Portugal.
    (Desenvolvimento em STAT-18-4146)

 

Biblioteca: Mestrados / Library: Master's Degree

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

TÍTULO: A influência da prática desportiva no desenvolvimento da aptidão física em escolares do ensino fundamental e médio do Município de Borba-Amazonas / Mayza Batalha Mendonça


COTA: T/M 796 MEN Inf

alt

TÍTULO: A influência da prática desportiva no desenvolvimento da aptidão física em escolares do ensino fundamental e médio do Município de Borba-Amazonas [Recurso eletrónico] / Mayza Batalha Mendonça


COTA: T/MCD-R 796 MEN Inf

 

alt

TÍTULO: Relatório de estágio apresentado à Universidade da Madeira para obtenção do Grau de Mestre em Educação Pré-escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico / Ana Carolina Miranda Spínola


COTA: T/M 37 SPÍ Rel

 

alt

TÍTULO: Relatório de estágio apresentado à Universidade da Madeira para obtenção do Grau de Mestre em Educação Pré-escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico [Recurso eletrónico] / Ana Carolina Miranda Spínola


COTA: T/MCD-R 37 SPÍ Rel

 

Biblioteca: Horário de férias de verão

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

 

Biblioteca / Library: Novidades / News

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

TÍTULO: Acciones desapercibidas : performances mínimas urbanas y soleadas después de la tormenta / III Congreso Internacional de Investigación en Artes Visuales


COTA: 7.01 CON Acc

alt

TÍTULO: 100 anys d'art sonor Valencià [Recurso eletrónico] = 100 años de arte sonoro valenciano = 100 years of valencian sound art : 1912-2012 / Festival Nits D'Aielo I Art


COTA: DVD-R 78 FES Cie

 

alt

TÍTULO: El telón como actor [Recurso eletrónico] : la escena en la vanguardia histórica española : 1917-1947 / realización Grupo de Investigación Laboratorio de Creaciones Intermedia


COTA: DVD-R 792 GRU Tel

 

alt

TÍTULO: Almogaren 48-49/2017-2018 / ed. Institutum Canarium


COTA: 930.85 Alm

Actualizado Tera-feira, 12 Junho 2018 14:28
 

CDE: Rapid 11 de junho

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

Comunicado de imprensa

Lisboa, 11 de junho de 2018.

  • Orçamento da UE: A Comissão propõe 1,26 mil milhões de euros para reforçar o Corpo Europeu de Solidariedade
    Para o próximo orçamento da UE de longo prazo para 2021-2027, a Comissão apresenta hoje uma proposta de um novo programa relativo ao Corpo Europeu de Solidariedade para além de 2020, que prevê uma dotação de 1,26 mil milhões de EUR destinada a alargar as oportunidades oferecidas. O novo programa permitirá que pelo menos 350 mil jovens europeus prestem apoio a comunidades em situação de necessidade através de ações de voluntariado, estágios ou emprego. A proposta hoje adotada marca a consolidação do Corpo Europeu de Solidariedade para o próximo período orçamental.
    (Desenvolvimento em IP-18-4035 e em MEMO-18-4032)
  • DiscoverEU: 15 000 passes de viagem disponíveis para explorar a UE este verão
    Os candidatos devem ter completado 18 anos até 1 de julho de 2018, ser nacionais de um país da UE e estar dispostos a viajar este verão. A partir de amanhã (12h00, hora da Europa Central) e até 26 de junho (12h00), os jovens podem candidatar-se a um bilhete que lhes dá a oportunidade de partir à descoberta do seu continente entre julho e o final de outubro de 2018. A iniciativa DiscoverEU permitir-lhes-á compreender melhor a diversidade da Europa, apreciar a sua riqueza cultural, fazer novos amigos e reforçar o sentimento de identidade europeia.
    (Desenvolvimento em IP-18-4088 e em MEMO-18-4089)
  • Comissão adota propostas que alteram o Acordo de Associação com o Reino de Marrocos para conceder preferência aos produtos provenientes do Saara Ocidental
    A Comissão adotou hoje duas propostas de decisões do Conselho relativas à assinatura e à celebração de um acordo entre a União Europeia e o Reino de Marrocos sobre a alteração do Acordo de Associação UE-Marrocos (Protocolos n.º 1 e n.º 4). A adoção destas propostas surge na sequência do acórdão de dezembro de 2016 do Tribunal de Justiça da União Europeia e pretende respeitar a decisão do Tribunal e clarificar o estatuto dos produtos provenientes do Saara Ocidental para tratamento pautal preferencial quando importados para a UE. O projeto de Acordo propõe que «os produtos provenientes do Saara Ocidental, que sejam sujeitos ao controlo das autoridades aduaneiras marroquinas, beneficiem das mesmas preferências comerciais concedidas pela UE aos produtos abrangidos pelo Acordo de Associação».
    (Para mais informações consultar este sítio Web)
  • Comissão consulta pescadores, indústria e sociedade sobre as possibilidades de pesca em 2019
    A Comissão adotou hoje uma Comunicação que faz o balanço da execução da política comum das pescas da UE e lança o processo de consulta sobre as possibilidades de pesca para o ano de 2019. Através de uma consulta pública, a Comissão consultará os Estados-Membros, os conselhos consultivos, que incluem o setor da pesca, as organizações não governamentais e os cidadãos interessados.
    (Mais informações disponíveis neste sítio Web)

 
Página 2 de 651