Entrada

Unidade de Biblioteca

rapid 6 de fevereiro

E-mail Print PDF
There are no translations available.

alt

Comunicado de imprensa

Lisboa, 6 de fevereiro de 2020.

Política de coesão: participação dos cidadãos para garantir melhores resultados
A Comissão decidiu lançar duas novas ações-piloto para envolver mais os cidadãos na execução dos projetos de coesão no terreno. O objetivo é apoiar a participação ativa dos cidadãos e das organizações da sociedade civil na forma como os fundos da UE são planeados, investidos e monitorizados, a fim de assegurar, em última análise, melhores resultados. No âmbito destas ações-piloto, as autoridades de gestão dos fundos de coesão e as organizações da sociedade civil receberão aconselhamento e apoio especializados para desenvolver os conhecimentos e as competências de que necessitam para a execução dos projetos de coesão. A comissária da Coesão e Reformas, Elisa Ferreira, afirmou: «A política de coesão está na vanguarda dos desafios que os cidadãos europeus enfrentam atualmente, do clima à inovação, da inclusão social e das competências à conectividade. É, pois, importante que os cidadãos tenham um papel mais preponderante na forma como esta política é posta em prática. Tanto as autoridades públicas como as organizações da sociedade civil colherão os benefícios de uma participação mais autêntica dos cidadãos.» O lançamento destas ações foi anunciado hoje na Conferência de Alto Nível «Mobilizar os cidadãos para uma boa governação na política de coesão».
(Desenvolvimento em ip_20_197, mex_20_213 e transmissão da conferência)

Declaração conjunta do alto representante/vice-presidente e do comissário da Gestão de Crises sobre a situação em Idlib, na Síria
Josep Borrell, alto representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança e vice-presidente da Comissão Europeia, e Janez Lenar?i?, comissário europeu da Gestão de Crises, fizeram hoje uma declaração conjunta do sobre a situação em Idlib, na Síria, salientando que é urgente o fim dos bombardeamentos e outros ataques a civis no noroeste da Síria e que é inaceitável o enorme sofrimento infligido a essas populações. A União Europeia recorda que não existe uma solução militar para o conflito sírio. A única via para a estabilidade é uma solução política credível e inclusiva, nos termos da Resolução 2254 (2015) do Conselho de Segurança das Nações Unidas.
(Desenvolvimento em mex_20_213 e em statement_20_212)

 

Aviso 1 2020

E-mail Print PDF
There are no translations available.

alt

 

rapid 5 de fevereiro

E-mail Print PDF
There are no translations available.


alt

Comunicado de imprensa

Lisboa, 5 de fevereiro de 2020.

Comissão Europeia faz análise da governação económica da UE e lança debate sobre o futuro
A Comissão apresentou hoje uma análise da eficácia do quadro de supervisão económica e lançou um debate público sobre o seu futuro. O quadro de supervisão económica da UE orientou os Estados-Membros na prossecução dos seus objetivos de política económica e orçamental. Contribuiu para uma coordenação mais estreita das políticas económicas, para a correção dos desequilíbrios macroeconómicos e para a redução dos défices públicos e dos níveis de dívida. Criou as condições para um crescimento sustentável e para a realização da estratégia da União para o crescimento e o emprego. No entanto, subsistem algumas vulnerabilidades e o quadro orçamental tornou-se cada vez mais complexo, o que prejudica a adesão ao mesmo pelos Estados-Membros.
(Desenvolvimento em ip_20_170, qanda_20_171 e mex_20_199)

Comissão apresenta propostas para um processo de adesão à UE mais credível, dinâmico, previsível e político
A Comissão Europeia apresentou hoje uma proposta para impulsionar o processo de adesão à UE, conferindo-lhe uma orientação política mais forte e tornando-o mais credível, mais dinâmico e mais previsível. Segundo o comissário da Vizinhança e Alargamento, Olivér Várhelyi: «O alargamento da União Europeia aos Balcãs Ocidentais é uma das principais prioridades da Comissão. Estamos a trabalhar em três vias: em primeiro lugar, propomos hoje medidas concretas para melhorar o processo de adesão. Estamos a reforçar e a melhorar o processo e o objetivo continua a ser a adesão plena à UE. Em segundo lugar, e em paralelo, a Comissão reitera firmemente as suas recomendações no sentido de encetar negociações de adesão com a Macedónia do Norte e a Albânia e apresentará em breve informações atualizadas sobre os progressos realizados por estes dois países. Em terceiro lugar, no âmbito da preparação da Cimeira UE-Balcãs Ocidentais, a realizar em maio, em Zagreb, a Comissão apresentará um plano de desenvolvimento económico e de investimento para a região.»
(Desenvolvimento em ip_20_181 e qanda_20_182 e mex_20_199)

Iniciativa de Cidadania Europeia: Comissão recebe organizadores da iniciativa «Minority SafePack»
Esta tarde, V?ra Jourová, vice-presidente dos Valores e Transparência, e Mariya Gabriel, comissária da Investigação, Inovação, Cultura, Educação e Juventude, vão receber os organizadores da Iniciativa de Cidadania Europeia «Minority SafePack — um milhão de assinaturas para a diversidade na Europa», depois de terem recolhido e apresentado à Comissão mais de um milhão de assinaturas em apoio da sua iniciativa. Esta é a quinta iniciativa de cidadania europeia bem-sucedida até à data. Tal como para todas outras, e em conformidade com o regulamento, a Comissão convidou os organizadores a apresentar as suas ideias de forma mais aprofundada. A iniciativa «Minority SafePack — um milhão de assinaturas para a diversidade na Europa» insta a Comissão Europeia a «melhorar a proteção das pessoas pertencentes a minorias nacionais e linguísticas e a reforçar a diversidade cultural e linguística na União». Haverá também uma audição pública no Parlamento Europeu. Com base numa avaliação exaustiva, a Comissão apresentará depois uma comunicação com a fundamentação das medidas a tomar, ou seja, se deve propor legislação, não agir ou tomar outras medidas não legislativas. A Iniciativa de Cidadania Europeia é um instrumento valioso nas mãos dos cidadãos e permite-lhes contribuir para a definição da legislação e das políticas da UE.
(Desenvolvimento em mex_20_199)

Comissão Europeia lança consulta pública sobre Plano Europeu de Luta contra o Cancro
Por ocasião do Dia Mundial contra o Cancro, a Comissão Europeia lançou ontem uma consulta pública à escala da UE sobre o Plano Europeu de Luta contra o Cancro. A consulta irá contribuir para definir o plano, identificar áreas fundamentais e explorar ações futuras. Todos os anos, 3,5 milhões de pessoas são diagnosticadas com cancro na União Europeia. Trata-se de uma questão de saúde grave que afetará diretamente 40 % dos cidadãos da UE e tem um impacto importante nos sistemas de saúde e nas economias europeias. No entanto, atendendo a que cerca de 40 % dos casos de cancro se devem a causas evitáveis, o âmbito de ação e o potencial para reduzir o número de casos na UE são enormes. Tal como anunciado pela presidente Ursula von der Leyen nas suas Orientações Políticas e tal como consta da carta de missão da comissária da Saúde e Segurança dos Alimentos, Stella Kyriakides, a Comissão irá apresentar um plano europeu para reduzir o sofrimento causado pela doença e apoiar os Estados-Membros na melhoria do combate ao cancro e da prestação de cuidados.
(Desenvolvimento em ip_20_154, QANDA_20_153, neste sítio Web e participação na consulta pública)

Declaração conjunta por ocasião do Dia Internacional da Tolerância Zero à Mutilação Genital Feminina
Na véspera do Dia Internacional da Tolerância Zero à Mutilação Genital Feminina, assinalado a 6 de fevereiro de 2020, o alto representante/vice-presidente da Comissão Europeia, Josep Borrell, a vice-presidente dos Valores e Transparência, V?ra Jourová, a comissária da Igualdade, Helena Dalli, e a comissária das Parcerias Internacionais, Jutta Urpilainen, reafirmaram o forte empenho da União Europeia em erradicar a mutilação genital feminina à escala mundial através de uma declaração em que reafirmam que as mulheres e as raparigas detêm o exclusivo direito sobre o seu corpo e que a mutilação genital feminina é uma grave violação dos Direitos Humanos.
(Desenvolvimento em mex_20_199, statement_20_193 e qanda_20_192)

Plano de Investimento ajuda CEPSA a tornar-se mais ecológica
O Banco Europeu de Investimento vai disponibilizar 60 milhões de euros de financiamento à empresa espanhola de energia CEPSA para desenvolver e aplicar tecnologias mais sustentáveis e eficientes no seu processo de produção. A fábrica de produtos químicos situada em San Roque, Cádiz, será a primeira no mundo a instalar o sistema «Detal». Esta tecnologia melhora a eficiência do processo de fabrico, diminui as emissões de CO2 e reduz o consumo de água e eletricidade. Também otimiza o processo de produção, dado que reduz os resíduos e permite que grande parte seja reutilizada. O sistema «Detal» também oferece melhorias importantes em termos de segurança. O projeto, que criará 250 novos postos de trabalho, é apoiado pelo Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos do Plano de Investimento.
(Desenvolvimento em mex_20_199)

Volume do comércio a retalho diminuiu 1,6 % na área do euro, 1,3 % na UE-27 e 1,5 % em Portugal em dezembro de 2019
Em dezembro de 2019, em comparação com novembro de 2019, o volume do comércio a retalho ajustado sazonalmente diminuiu 1,6 % na área do euro, 1,3 % nos 27 Estados-Membros da União Europeia (UE-27) e 1,5 % em Portugal, segundo as estimativas do Eurostat, o Serviço de Estatística da União Europeia. Em novembro de 2019, o volume do comércio a retalho aumentou 0,8 % na área do euro, 0,9 % na UE-27 e 1,4 % em Portugal. Em dezembro de 2019, em comparação com dezembro de 2018, o índice ajustado das vendas a retalho aumentou 1,3 % na área do euro, 1,9 % na UE-27 e 2,4 % em Portugal. O volume médio do comércio a retalho no ano de 2019, em comparação com 2018, aumentou 2,2 % na área do euro e 2,4 % na UE-27.
(Desenvolvimento neste sítio Web)

 

Biblioteca: Mestrados / Library: Master's Degree

E-mail Print PDF
There are no translations available.

 

alt

TÍTULO: Estudo das relações entre as estratégias de self-handicapping, autoestima, autoeficácia e o rendimento académico : um estudo com alunos do ensino superior / Raquel Oneida Sepúlveda Mena


COTA: T/M 159.9 MEN Est

 

alt

TÍTULO: Estudo das relações entre as estratégias de self-handicapping, autoestima, autoeficácia e o rendimento académico [Recurso eletrónico] : um estudo com alunos do ensino superior / Raquel Oneida Sepúlveda Mena


COTA: T/MCD-R 159.9 MEN Est

 

alt

TÍTULO: Relatório de estágio para obtenção do grau de Mestre em Educação Pré-escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico / Bianca Vanessa Abreu Ascensão


COTA: T/M 37 ASC Rel

 

alt

TÍTULO: Relatório de estágio para obtenção do grau de Mestre em Educação Pré-escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico [Recurso eletrónico] / Bianca Vanessa Abreu Ascensão


COTA: T/MCD-R 37 ASC Rel

 

Biblioteca: Livros / Library: Books: Doação ao abrigo do Programa LER - Bolsa de Livros AAUMA

E-mail Print PDF
There are no translations available.

alt

TÍTULO: A mão de sangue


COTA: 869.0(469.8) ORN Mao

alt

TÍTULO: Saias de balão (na ilha da Madeira)


COTA: 869.0(469.8) JAR Sai

 

alt

TÍTULO: Uma visita guiada ao Colégio dos Jesuítas do Funchal


COTA:82:087.5 BRA Vis

 

alt

TÍTULO: Com aromáticas me conquistas


COTA: 641 Com

 
Page 9 of 816