Entrada

Unidade de Biblioteca

Biblioteca: Mestrados / Library: Master's Degree

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

TÍTULO: Contigo ou sem ti : avaliação da eficácia de um programa de intervenção dirigido a agressores conjugais / Ana Sofia Nóbrega Rodrigues


COTA: T/M 159.9 ROD Con

 

alt

TÍTULO: Contigo ou sem ti [Recurso eletrónico] : avaliação da eficácia de um programa de intervenção dirigido a agressores conjugais / Ana Sofia Nóbrega Rodrigues


COTA: T/MCD-R 159.9 ROD Con

 

alt

TÍTULO: Desenvolvimento de habilidades socioprofissionais em indivíduos com necessidades especiais : avaliação de um programa de intervenção / Ana Sofia Silva Rodrigues


COTA: T/M 159.9 ROD Des

 

alt

TÍTULO: Desenvolvimento de habilidades socioprofissionais em indivíduos com necessidades especiais [Recurso eletrónico] : avaliação de um programa de intervenção / Ana Sofia Silva Rodrigues


COTA: T/MCD-R 159.9 ROD Des

 

CDE: Rapid 11 de março

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

Comunicado de imprensa

Lisboa, 11 de março de 2019.

Transição para energias limpas: novos rótulos de eficiência energética mais claros para simplificar, trazer mais possibilidades de escolha e economias para consumidores da UE
Para tornar os rótulos de eficiência energética mais compreensíveis para os consumidores e ajudá-los a fazer escolhas mais informadas em matéria de compras, a Comissão adotou hoje novos rótulos de eficiência energética que abrangem máquinas de lavar louça, máquinas de lavar roupa, máquinas de lavar e secar roupa, frigoríficos, lâmpadas, ecrãs eletrónicos, incluindo televisores, e aparelhos de refrigeração com função de venda direta. A «eficiência energética em primeiro lugar» é um princípio central da estratégia para a União da Energia.
(Desenvolvimento em MEMO-19-1596 e neste sítio Web)

Segurança rodoviária: Comissão responde à necessidade de áreas de estacionamento seguras para camiões
São necessários 400 000 espaços de estacionamento seguros na UE. Esta é a conclusão de um estudo publicado hoje pela Comissão Europeia. Os camiões de mercadorias estão sujeitos a roubos e invasão de propriedade e cerca de 75 % destes incidentes ocorrem quando os camiões se encontram estacionados em parques de estacionamento não seguros. Como resposta a este fenómeno, o estudo apresenta um levantamento pormenorizado das necessidades e localizações de espaços de estacionamento seguros na UE e apresenta uma série de requisitos mínimos necessários para fornecer informações fiáveis e claras sobre esses espaços a condutores, proprietários de mercadorias e transportadores.
(Mais informações neste sítio Web)

Produtos farmacêuticos no ambiente: Comissão define ações para fazer face a riscos e desafios
A Comissão Europeia adotou hoje uma comunicação que define um conjunto de ações destinadas a dar resposta aos desafios multifacetados que a libertação de produtos farmacêuticos representa para o ambiente. A «Abordagem Estratégica da relativa aos Produtos Farmacêuticos no Ambiente» que a Comissão apresenta hoje identifica seis áreas de ação relativas a todas as fases do ciclo de vida dos produtos farmacêuticos, nas quais podem ser introduzidas melhorias. O texto aborda os produtos farmacêuticos para uso humano, bem como para uso veterinário. Os domínios abrangem todas as fases do ciclo de vida dos produtos farmacêuticos, desde a conceção e produção até à eliminação e gestão dos resíduos, em conformidade com os princípios do documento de trabalho dos serviços da Comissão sobre produtos sustentáveis numa economia circular. As seis áreas identificadas incluem ações para aumentar a sensibilização e promover a utilização prudente, melhorar a formação e a avaliação dos riscos, recolher dados de monitorização, incentivar o «design ecológico», reduzir as emissões da indústria transformadora, reduzir os resíduos e melhorar o tratamento das águas residuais.
(Desenvolvimento em IP-19-1597)

 

CDE: Rapid 8 de março

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

RAPID de 08.03.2019

Lisboa, 8 de março de 2019.

Comissão congratula-se com acordo provisório para financiamento de infraestruturas de elevado desempenho para uma melhor ligação dos europeus
O novo programa permitirá à União Europeia liderar o caminho para a neutralidade climática em consonância com a nossa proposta «Um Planeta Limpo para todos» e as infraestruturas de apoio à mobilidade segura, limpa, segura e conectada, tal como propostas pela Comissão no pacote «A Europa em Movimento». Dará também prioridade a modos de transporte respeitadores do ambiente, como o ferroviário, e ao desenvolvimento de pontos de carregamento para os veículos que utilizam combustíveis alternativos. Ao tornar os sistemas energéticos mais interligados, mais inteligentes e mais seguros, o Mecanismo Interligar a Europa (CEF) ajudará a concluir a União da Energia e a apoiar a transição para as energias limpas. Tal permitirá à Europa permanecer na vanguarda da transição para as energias limpas, em conformidade com a prioridade política da Comissão Juncker de tornar a UE líder mundial no domínio das energias renováveis.
(Desenvolvimento em IP-19-1600)

União dos Mercados de Capitais: facilitar o investimento das seguradoras na economia real
A Comissão Europeia adotou hoje novas regras para ajudar as seguradoras a investir em capitais próprios e na dívida privada e a financiar capital a longo prazo. O setor dos seguros dispõe dos meios necessários para financiar a longo prazo o investimento em capitais próprios e em dívida privada, incluindo das pequenas e médias empresas (PME), mas a percentagem dos seus investimentos na economia real continua a ser limitada. Em resultado das atuais regras, as seguradoras terão de deter menos capital para esses investimentos e, por conseguinte, considerarão mais atrativo investir na economia, o que contribuirá para mobilizar o investimento do setor privado — um objetivo fundamental da União dos Mercados de Capitais. As regras recentemente adotadas, que assumem a forma de um regulamento delegado, alteram as regras prudenciais da UE aplicáveis ao setor dos seguros, conhecidas como «Solvência II», e dão seguimento à revisão intercalar do Plano de Ação para a União dos Mercados de Capitais.
(Desenvolvimento em IP-19-1601)

Espaço Europeu da Educação: 54 alianças destinadas a tornar-se as primeiras universidades europeias
O primeiro convite à apresentação de propostas no âmbito da Iniciativa Universidades Europeias resultou na candidatura de 54 alianças, envolvendo mais de 300 instituições de ensino superior de 31 países europeus, incluindo de todos os Estados-Membros da UE. As instituições incluem universidades gerais e baseadas na investigação, universidades de ciências aplicadas, universidades técnicas, bem como escolas de arte e de medicina. Cerca de 80 % das alianças propostas têm entre cinco e oito parceiros, criando pontes educativas em toda a Europa e assegurando uma ampla cobertura geográfica.
Foram reservados 60 milhões de euros para este primeiro projeto-piloto no âmbito do programa Erasmus +, devendo as primeiras 12 universidades europeias ser selecionadas até ao verão de 2019. Será lançado, ainda este ano, um segundo convite à apresentação de propostas, estando a plena implantação da iniciativa prevista no âmbito do futuro programa Erasmus a partir de 2021. O objetivo é construir, pelo menos, vinte universidades europeias até 2024, no contexto do Espaço Europeu da Educação.

 

 

Livros / Books: Novidades / News

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

TÍTULO: Media now : understanding media, culture, and technology


COTA: 316.77 STR Med

 

CDE: Rapid 7 de março

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

alt

RAPID de 07.03.2019

Lisboa, 7 de março de 2019.

Pacote de processos de infração de março: principais decisões
No seu pacote mensal de decisões relativas a processos de infração, a Comissão Europeia («a Comissão») iniciou ações judiciais contra vários Estados-Membros por incumprimento das obrigações que lhes são impostas pelo direito da UE, incluindo Portugal. Estas decisões, que abrangem vários setores e domínios políticos da UE, visam assegurar a correta aplicação do direito da UE em benefício dos cidadãos e das empresas. A Comissão decidiu também encerrar 103 casos em que os problemas suscitados junto dos Estados-Membros em questão foram resolvidos sem que fosse necessário continuar o procedimento.
(Desenvolvimento em MEMO-19-1472)

Concessões de energia hidroelétrica: Comissão insta oito Estados-Membros a cumprirem a legislação da UE
A Comissão decidiu hoje enviar cartas de notificação para cumprir a sete Estados-Membros (Áustria, França, Alemanha, Polónia, Portugal, Suécia e Reino Unido) e uma segunda carta de notificação para cumprir complementar à Itália, a fim de assegurar que os contratos públicos no setor hidroelétrico são adjudicados e renovados em conformidade com a legislação da UE. A energia hidroelétrica é o maior setor de eletricidade produzida a partir de fontes renováveis na UE e já contribui para 40 % de toda a produção deste tipo de eletricidade na Europa. Pode contribuir para a realização dos objetivos da União da Energia, em especial, garantindo 20 % do consumo final de energia a partir de fontes de energia renováveis até 2020 e, pelo menos, 27 % até 2030.
(Desenvolvimento em IP-19-1477)

Dia Internacional da Mulher de 2019: embora tenhamos hoje mais igualdade as mudanças têm sido demasiado lentas
Por ocasião do Dia Internacional da Mulher, a Comissão publicou hoje o seu relatório de 2019 sobre a igualdade entre homens e mulheres na UE. A boa notícia é que a Europa tem estado a realizar progressos; importa, contudo, acelerar o ritmo a que estes estão a ser realizados. A Comissão Juncker tem intervindo nas diferentes áreas para melhorar a vida das mulheres na Europa, combatendo a violência contra as mulheres, colmatando as disparidades salariais e criando melhores condições para as famílias poderem conciliar a sua vida profissional com a vida familiar.
(Desenvolvimento em IP-19-1495)

Declaração da Comissão Europeia por ocasião do Dia Internacional da Mulher de 2019
«A luta pela igualdade é um dos valores fundamentais da União Europeia e um princípio pelo qual iremos continuar a lutar. A igualdade entre homens e mulheres não constitui exceção. A Europa é um dos sítios mais seguros e igualitários do mundo para as jovens e as mulheres adultas. O número de mulheres com emprego na UE atingiu níveis historicamente elevados. Cada vez mais mulheres exercem cargos com poder, o que é algo de que nos podemos orgulhar.
(Desenvolvimento em STATEMENT-19-1494)

Comissão toma novas medidas para garantir que os profissionais podem beneficiar plenamente do mercado único
A Comissão adotou hoje medidas adicionais no quadro dos procedimentos de infração contra 26 Estados-Membros, a fim de assegurar a plena aplicação das regras da UE em matéria de reconhecimento das qualificações profissionais. Só um mercado único que funcione corretamente pode realizar todo o seu potencial em benefício dos cidadãos e das empresas de toda a Europa. Em consonância com a Comunicação sobre o Mercado Único, de 22 de novembro de 2018, a Comissão adotou hoje novas medidas de execução destinadas a assegurar que todos os Estados-Membros respeitam plenamente as regras da UE em matéria de reconhecimento das qualificações profissionais.
(Desenvolvimento em IP-19-1479)

Actualizado Quinta-feira, 07 Maro 2019 15:04
 
Página 5 de 719